F

Naftalina HQ 05 Propagandas nas revistas(pt01)


Quem dobrou a revista só pra completar o "enigma"???

Hoje não falarei de alguma revista em especial e sim de uma seção das revistas antigamente que davam gosto em aproveitar a revista até a contracapa: as propagandas que vinham em nossas revistas. Diferente de hoje, as propagandas eram bem elaboradas e como se tratando de hqs, as propagandas eram feitas neste formato ou então de forma criativa com imagens chamativas que fizessem alusão a algum aspecto da revista.



Afinal, Isotonic era feito para você que queria se tornar musculoso como o herói da revista, pegar as mulheres que nem o herói da revista que você lia. E ainda vinha a opção de comprar o Synometrics e acabar de vez com a barriguinha de chopp.
Veja aí:




Não conheço ninguém nessa situação, mas será que alguém virou discípulo do misterioso Mestre do Kung Fu ( não é o Shang Chi não) que estava arriscando sua vida em ensinar técnicas da arte marcial em um livrinho que você comprava pelos correios? Talvez quem lesse Heróis da TV.
Colocar alguém fora de combate sem ter corpo a corpo? Eu viraria mestre jedi e não em Kung Fu!

Outra boa lembrança eram as historinhas do Instituto Universal Brasileiro(IUB), com seus cursos a distância. Sempre ocupavam umas três páginas com uma HQ e mais uma página com a lista dos cursos.

Esses três aí são exemplos de propagandas que permeavam as revistas em quadrinhos nos anos 80. Eram atrativas e isso fazia você aproveitar a revista ainda mais. Mesmo no caso das histórias do IUB ( que pra criança era chato)principalmente a "disparando na frente" eram legais para um público mais velho ler e olha que tomavam 4 páginas. Ok, que isto em todas as revistas durante um bom tempo, enchia o saco, mas depois com certeza não veio nada igual.

Algumas foram únicas como os telescópios ou lunetas para ver o Halley em 1986!!! Eles colocavam qualquer propaganda e acho que não se importavam se era enganosa ou não ( ahhhh tempos politicamente incorretos). Ok que todo mundo queria ter um orelhinha pra escutar jogos da seleção ou rádio mesmo ( não sei qual a graça de escutar música apenas por um ouvido, se eu fosse adulto na época, teria que comprar duas) mas também havia o Super telão que você acoplava na sua TV e servia de retroprojetor.


Também havia que o brasileiro já foi mais supersticioso e o mercado possibilitava lançar também propagada do Medalhão das 7 linhas que aí já é algo bem mais esotérico. Essa daí veio na propaganda da Espada Selvagem de Conan 5 que era uma revista mais adulta.



Mas e aí fica a reflexão: Cadê as propagandas legais hoje em dia??? Coloquei até este ponto apenas as propagandas mais adultas, digamos assim. Mas claro, tinhamos as voltadas para o público infantil como Hqs da Boticário ( dr. Botica) e da Turma do Balão Mágico com a Brahma ( o guaraná, não a cerveja por que aí também já era putaria).

Para se ter uma idéia, vale lembrar que essas propagandas aí eram o lado light do mercado afinal na Veja! tinha propaganda de motoserra pra derrubar árvore de maneira inigualável ou então um anúncio estimulando a tomar vodca, pois não deixava bafo( ou seja, beba no serviço).


Mas me diz aí...alguém sabe já as outras 1999 formas de preparar Neston???


Propagandas infantis

Vamos as referidas propagandas citadas antes:




Por aí dá pra ter uma idéia de como eram divertidas as propagandas nesse tempo, já que usavam o recurso de linguagem em história em quadrinhos para vender o peixe transmitir a idéia do produto anunciado. Simplicidade era a palavra chave. A medida que foram se desenvolvendo outros recursos gráficos, as propagandas foram empobrecendo e abrindo espaço para sumirem quase que totalmente. Não se encontra mais tão frequentemente propagandas que não sejam de outras revistas nas revistas que adquirimos. E é uma pena pois propaganda externa( que não sejam de produtos da própria editora, ou seja de outras revistas) ajudaria a aumentar a tiragem, diminuir o preço ( sim, seria possível) mas só escuto cantiga de grilo....sumiram os anunciantes. E vale lembrar que hoje em dia a galera tá mais endinheirada do que no tempo da inflação que assolava o país nos anos 80.




 Quem conheceu o chiclete Bubbaloo e essa propaganda que veio em muitas revistas do ano de 1985? O chiclete era bom demais e nem sei se ainda existe o chiclé cheio de sabor.


A propaganda mais simples do guaraná Brahma também em 1985 ressaltando o lado brasileiro em se tomar guaraná.


Brinquedos

Os brinquedos passaram a ocupar as contracapas, principalmente no final dos anos 80 e comecinho dos anos 90. Brinquedos da Estrela ,Glasslite, Grow ou Gulliver estiveram presentes e popularizando seus produtos conforme os brinquedos abaixo:


Pessoas do porte de Chico Anysio estamparam as contracapas fazendo propagandas de diversos jogos Estrela e até mesmo o Marcelo Taz que era  beeeem desconhecido jogando Tapa Certo.
E o que dizer dos GI Joe com o tubinho de camuflagem da Força Tigre ou da Força Naja?
Saudosismoooo








O Hero Quest foi amplamente divulgado já nas revistas do Conan de 1994( o quadrinho mais RPG que havia na Abril)
e um ano depois a panini lançava os RPGs por aqui.


Mas então é isto e antes que esqueça de algo, sim ainda há uma segunda parte para esta matéria a qual colocarei o link aqui e que sai na semana que vem somente sobre propagandas em revistas utilizando os Super Heróis!!!

Ahhh e claro que eu não poderia esquecer da minha Caloi, basta a minha mãe ter esquecido ou feito de conta que não viu/leu.


Compartilhe este post: :

+ comentários + 1 comentários

12 de julho de 2014 20:23

Ah, a boa infância, como já não existe mais...

Postar um comentário

Aliados Nerds

 
Support : Copyright © 2012-2014. ENQUADRINHADOS - todos os direitos reservados

Enquadrinhados- HQ é Alta Qualidade